Samurai X

Ahh falando de Samurai X, resolvi postar para vocês e matar a minha saudade desse grande classico..\o/

Então , vamos laaa… \o/

Sejam bem vindos ao mundo de…

Samurai X

Durante 10 anos Kenshin vagou pelo Japão até encontrar abrigo no Dojo Kamiya, onde a jovem Kaoru Kamiya lecionava kendo no estilo Kamiya Kashin (Espada para a Vida). A errante caminhada do jovem ronin tinha um propósito: A expiação pelas inúmeras mortes que causara durante o Bakumatsu (fim do bakufu/shogunato) quando era um hitokiri (assassino retalhador) a serviço da Ishin Shishi (monarquistas que desejavam a restauração do governo para as mãos do imperador) do feudo de Choushuu. Nessa época, Kenshin ficou conhecido como “Hitokiri Battousai”  por sua grande habilidade com o Battoujutsu, técnica que num movimento contínuo, saca a espada e realizar o corte. Mesmo com a vitória dos monarquistas que culminou na derrubada do Xogunato Tokugawa, dando origem a Era Meiji, Kenshin, arrependido pelas inúmeras vidas que tirou, decide nunca mais matar. Mesmo terminando sua longa jornada, o ex-hitokiri terá de brandir novamente sua sakabatou (espada em que a lâmina encontra-se no dorso) para enfrentar novos e velhos inimigos.

 

 

Informações

Título original: Rurouni Kenshin
Título em inglês: Samurai X
Formato: Série de TV
Episódios: 95
Gênero: [Ação] [Fantasia]
Lançado em: Janeiro / 1996
Estúdio: Studio Gallop

 

 

Downloads (PRIMEIRA TEMPORADA) 

Fansub : Kazen Animes

95

MegaUpload

Curiosidade

  • Kenshin, em nenhum momento de sua vida foi samurai. Entre as classes de guerreiros do Japão feudal, Kenshin ficaria melhor definido como um ronin ou “rurouni” que segundo Watsuki, significa “andarilho” (um trocadilho do autor com a palavra ronin), portanto o título da série poderia ser traduzido como “Kenshin, o andarilho”).
  • Mangá

    A série apareceu pela primeira vez como um par de pequenas histórias publicadas de forma esporáticas, ambas são intituladas Crônicas de um Espadachim da Era Meiji publicadas entre 1992 e 1993 no mangá Weekly Shonen JumpSpecial da editora Sueisha. Em 1994, Watsuki criou uma versão definitiva que foi publicada na Shukan Shonen Jump e concluida em 1999, na qual a série de anime é baseada. O mangá consiste de 28 volumes encadernado (ou 28 tankōbon). Em 2000, foi lançado Yahiko no Sakabatō (“‘A Sakabatou de Yahiko’“). Essa história, não inclusa na coleção de tankōbon, foi publicada apenas no Japão e no Brasil, e mesmo no país de origem permanece inédita como encadernação. No mangá a história de Kenshin é dividida em três grandes sagas: Tóquio, Kyoto, e Jinchuu (Justiça dos Homens). Das três apenas a Jincuu não foi animada. O final da série mangá é caracterizado pelo retorno de Kenshin a o dojo após sua segunda viagem como andarilho. As últimas cenas se passam em um piquenique onde estão reunidos todos os protagonistas.

     

     

     

     

     

    Confira uma das Opening do anime

    AHHHH *__________________* Nostalgia de saudades.. T__T

     

     

     

    Bom pessoal \o

    Espero que tenham gostadooo.

    Fiquem de olho que ai vem mais.. \o

    Kissus a todos..

    Matta ne.. \o/

2 comentários em “Samurai X

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s